Arezzo e Grupo Soma anunciam fusão para criar gigante da moda varejista no valor de R$ 13 bilhões - O Poti News

Arezzo e Grupo Soma anunciam fusão para criar gigante da moda varejista no valor de R$ 13 bilhões

A fusão criará uma gigante do varejo de moda, avaliada em aproximadamente R$ 13 bilhões, abrangendo 2 mil lojas e 34 marcas. Foto: Divulgação.

Neste domingo (4), a Arezzo e o Grupo Soma, responsável por marcas como Hering, Farm e Animale, firmaram um acordo para a fusão de suas operações. A fusão criará uma gigante do varejo de moda, avaliada em aproximadamente R$ 13 bilhões, abrangendo 2 mil lojas e 34 marcas.

Alexandre Birman, atualmente na liderança da Arezzo, assumirá o cargo de CEO no novo conglomerado resultante da fusão, enquanto Roberto Jatahy, CEO do Grupo Soma, continuará à frente das marcas deste grupo.

A receita combinada das empresas está estimada em R$ 10 bilhões, segundo analistas do BTG Factual. Apesar dos desafios inerentes a uma fusão de tal magnitude, os especialistas ressaltam a possibilidade de capturar sinergias em distribuição, desenvolvimento de produto, operações de franquia e produção.

A notícia das negociações impulsionou as ações de ambas as empresas, com a Arezzo registrando alta de 8,65% e fechando a semana a R$ 62,80, enquanto as ações do Grupo Soma valorizaram 10,94%, alcançando R$ 7,71.

Redução de custos, maior poder de negociação com fornecedores e complementaridade de estratégias de marcas são apontados como benefícios da fusão.

A tendência de formação de grandes conglomerados de moda, já observada em países desenvolvidos, chega ao Brasil com essa fusão. A competição acirrada com empresas asiáticas, como a chinesa Shein, que investe R$ 750 milhões para produzir localmente, motiva a criação de conglomerados para ganhar escala em meio à crise econômica e ao avanço do comércio eletrônico.