Daniel Alves é condenado a 4 anos e seis meses de prisão por agressão sexual em boate na Espanha - O Poti News

Daniel Alves é condenado a 4 anos e seis meses de prisão por agressão sexual em boate na Espanha

Além da prisão, Daniel foi condenado a pagar uma indenização de 150 mil euros. Foto: Gettys Images.

O jogador Daniel Alves foi condenado pelo Tribunal Provincial de Barcelona a uma pena de quatro anos e seis meses de prisão em relação a um caso de estupro ocorrido em dezembro de 2022. Após 14 meses desde as alegações, o tribunal anunciou a sentença nesta quinta-feira (22), após um julgamento que durou três dias, concluído em 7 de fevereiro.

O jogador de 40 anos compareceu à 21ª seção do tribunal em relação ao caso, no qual foi acusado de estuprar uma mulher em um banheiro da boate Sutton. Enquanto o Ministério Público buscava uma pena de nove anos de prisão e a acusação liderada pela advogada Ester García insistia em uma condenação de 12 anos. Além da prisão, Daniel foi condenado a pagar uma indenização de 150 mil euros.

Durante o julgamento, Alves apresentou várias versões, desde pedidos de desculpas até a justificativa de que o ocorrido foi consensual. No entanto, as evidências apresentadas, incluindo testemunhos e imagens de câmeras de vigilância, levaram à sua condenação.