Inadimplência no Rio Grande do Norte cresce acima da média nacional em janeiro de 2024 - O Poti News

Inadimplência no Rio Grande do Norte cresce acima da média nacional em janeiro de 2024

A faixa etária mais afetada pela inadimplência é a de 30 a 39 anos, concentrando 25,33% do total de pessoas com dívidas em aberto. Foto: EBC.

No primeiro mês de 2024, o Rio Grande do Norte registrou um aumento no número de inadimplentes, de acordo com dados divulgados pelo SPC Brasil. O crescimento de 5,57% em relação ao mesmo período do ano anterior superou a média da região Nordeste, que foi de 2,17%, e a média nacional, 3,78%.

Ao analisar a transição de dezembro de 2023 para janeiro de 2024, constatou-se um acréscimo de 2,66% no número de devedores no estado potiguar.

Em média, cada pessoa endividada acumulava uma dívida de R$ 4.357,04 no mês de janeiro de 2024, chegando a uma média 2,177 débitos em atraso por consumidor. Os dados revelam também que 30,81% dos consumidores do RN tinham dívidas no valor de até R$ 500, sendo que esse percentual aumenta para 44,82% quando se trata de dívidas de até R$ 1.000.

A faixa etária mais afetada pela inadimplência é a de 30 a 39 anos, concentrando 25,33% do total de pessoas com dívidas em aberto.