Nova parceria em Assu - O Poti News

Nova parceria em Assu

Uma nova parceria foi anunciada pelo deputado George Soares e pelo prefeito Dr. Gustavo, em Assu.

Após o rompimento com o deputado federal João Maia (PP), com quem mantiveram uma longa relação política e de amizade, os irmãos George e Gustavo anunciaram o início de uma parceria com o deputado federal Robinson Faria (PL).

Robinson Faria é um deputado municipalista, político experiente e muito bem articulado em Brasília. Certamente ajudará o grupo comandado por George Soares e a cidade do Assu.

Petrobras de Jean Paul bate recorde

A Petrobras alcançou, na última quinta-feira (01), um recorde histórico no mercado financeiro, registrando o maior valor nas suas ações em toda a história da empresa. O valor de mercado da companhia chegou R$ 552 bilhões.

O presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, atribui esse recorde ao trabalho feito ao longo de todo o primeiro ano de nova gestão, iniciada em janeiro de 2023.  

Luiz Almir com Paulinho Freire

O ex-vereador Luiz Almir que tinha anunciado que não seria mais candidato em 2024, decidiu se filiar ao União Brasil (UB) para contribuir com a candidatura do deputado Paulinho Freire.

Luiz Almir atendeu ao chamado de Paulinho Freire e será candidato a vereador pelo UB numa nominata que deverá eleger uma forte bancada para a Câmara Municipal.

Carnaval do SESC

O SESC realizou, na última quinta-feira (1), uma bela festa de carnaval pelas ruas do centro de Natal.

O evento contou com a animação do cantor baiano (quase natalense), Ricardo Chaves, que levou alegria e animação para milhares de pessoas que estiveram na avenida Rio Branco.

No STF, Lula defende regulação das redes sociais no país

Ao participar da abertura do Ano Judiciário de 2024, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu nesta quinta-feira (1º) a regulação das redes sociais no país, com punição para as empresas proprietárias pelos crimes cometidos nas plataformas sob sua responsabilidade.

“É preciso criminalizar aqueles que incitam a violência nas redes sociais, mas também é necessário responsabilizar as empresas pelos crimes que são cometidos nas suas plataformas, a exemplo da pedofilia, incentivo a massacres nas escolas e estimular a mutilação de adolescentes e crianças”, defendeu em discurso.

Para o presidente, a regulação deve ser feita de maneira democrática, levando em conta os benefícios proporcionados pela tecnologia, bem como o “retrocesso nas conquistas pelas quais tanto lutamos”.

O presidente do Congresso Nacional, senador Rodrigo Pacheco (PSD-MG), presente à cerimônia, também mencionou o tema, destacando ser uma pauta comum ao Legislativo e no Judiciário.

 Na Câmara dos Deputados, tramita projeto de lei, conhecido como PL das Fake News, que trata de regras para o funcionamento das redes sociais no país e o combate à divulgação de notícias falsas. O texto foi retirado da pauta de votação após sofrer críticas de parlamentares.

Agência Brasil

Bolsonaro ignora PF e chama apoiadores para ato em São Sebastião

O ex-presidente Jair Bolsonaro ignorou a decisão da Polícia Federal de remarcar data e local de sua oitiva e convocou apoiadores para um ato na cidade de São Sebastião, no litoral de São Paulo, no dia em que o prestaria depoimento.

Por meio de sua lista de transmissão no WhatsApp, Bolsonaro avisou a apoiadores que estará na cidade na tarde de 7 de fevereiro, quando estava marcada sua oitiva em inquérito que apura suposta importunação a baleias jubarte na região.

“Dia 07, 4ª feira, às 15 horas. O depoimento foi adiado, mas… (sic) Mesmo assim estarei em São Sebastião. Vamos nos encontrar.”, escreveu o ex-presidente na mensagem de WhatsApp, à qual a coluna teve acesso.

Como noticiou o coluna Paulo Cappelli, no Metrópoles, a PF adiou o depoimento de Bolsonaro para o fim de fevereiro e mudou a oitiva para a capital paulista, após mapear manifestações a favor do ex-presidente em São Sebastião.

Metrópoles

*As opiniões contidas nesta sessão não refletem necessariamente a opinião dO POTI e são de responsabilidade exclusiva dos autores.