Pesquisa Seta: Professora Nilda mantém liderança folgada em Parnamirim - O Poti News

Pesquisa Seta: Professora Nilda mantém liderança folgada em Parnamirim

Professora Nilda, pré-candidata a prefeitura de Parnamirim. Foto: Anne Freire.

A pré-candidata professora Nilda mantém a liderança folgada na disputa pela Prefeitura de Parnamirim. É o que atesta a pesquisa Seta, que questionou os eleitores sobre o cenário estimulado geral com a apresentação de todos os pré-candidatos a prefeito. A pesquisa também traz um confronto direto entre Nilda e Salatiel de Souza, além de um panorama sobre a rejeição dos pré-candidatos e avaliação da gestão do atual prefeito Rosano Taveira.

No tocante à avaliação de governo, conforme a pesquisa, a gestão do prefeito Rosano Taveira é desaprovada por 60% dos entrevistados, 28% aprova e 12% não sabe/não respondeu.

Na questão estimulada, onde os nomes dos pré-candidatos são apresentados, o instituto de pesquisa Seta verificou o seguinte cenário. Professora Nilda abre mais de 15 pontos de vantagem, liderando a preferência dos eleitores entrevistados, com 35,7% das citações. Ninguém/branco/nulo aparece com 20,9%, Salatiel de Souza tem 19,6% das citações, seguido pela vice-prefeita Kátia Pires com 9%, Marciano Júnior com 2,4%, Wolney França com 2,1%, Eron do PT com 0,4%, não sabe/não respondeu tem 9,9%.

No item rejeição, quando o eleitor entrevistado indica o candidato em quem não votaria de jeito nenhum, Salatiel de Souza lidera, sendo indicado por 22,1% das pessoas, seguido por Eron do PT com 8,3%, Wolney França com 6,7%, Professora Nilda com 5,6%, Kátia Pires com 5,3%, Marciano Júnior com 2%, ninguém/branco/nulo soma 35,4% e não sabe/não respondeu aparece com 14,6%.

A pesquisa Seta também apresentou aos entrevistados o cenário de um confronto direto entre Nilda e Salatiel. A professora lidera com 39,3% das intenções de voto contra 22,4% de Salatiel de Souza. Não sabe/não respondeu somou 14,7% e ninguém/branco/nulo correspondeu a 23,6%.

A pesquisa Seta, registrada sob o número TRE-RN-04544/2024, foi realizada nos dias 24 e 25 de abril, ouviu 700 pessoas, intervalo de confiança de 95% e margem de erro de 3,5% para mais ou para menos.