Receita Federal alerta para novo golpe envolvendo o Imposto de Renda - O Poti News

Receita Federal alerta para novo golpe envolvendo o Imposto de Renda

Fraudadores usam nome da Receita para enganar contribuintes e extrair pagamentos indevidos. Foto: Shutterstock.

À medida que a temporada de envio das declarações do Imposto de Renda se desenrola, os contribuintes devem estar alertas para um novo tipo de golpe identificado pela Receita Federal. Batizado de “Erro na Declaração”, esse golpe tem como alvo pessoas que recebem mensagens falsas, alegando problemas em suas declarações fiscais e exigindo correções imediatas.

Segundo a Receita Federal, os fraudadores se fazem passar pelo órgão, utilizando seu nome e enviando links maliciosos que supostamente contêm informações detalhadas sobre como corrigir os erros na declaração. O contador e diretor da Rui Cadete, Gustavo Vieira, enfatiza a seriedade dessa situação, ressaltando que a cada ano os golpes se tornam mais sofisticados.

“É essencial que os contribuintes estejam cientes de que a Receita Federal não entra em contato por e-mail, mensagens de texto ou por meio de links. Portanto, qualquer comunicação suspeita deve ser verificada cuidadosamente”, afirma Vieira. Ele oferece algumas diretrizes para ajudar a evitar cair nesse tipo de golpe:

  • Desconfie de e-mails ou mensagens de origem desconhecida que solicitam informações pessoais, especialmente relacionadas à declaração do Imposto de Renda.
  • Nunca clique em links suspeitos ou desconhecidos, pois podem direcioná-lo a sites maliciosos ou baixar programas prejudiciais em seu dispositivo.
  • Não abra arquivos anexados, pois normalmente são programas executáveis que podem causar danos ao computador ou capturar informações confidenciais do usuário.
  • Verifique sempre a autenticidade das comunicações que parecem ser da Receita Federal, priorizando o uso do Portal do Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte (e-CAC) e o site institucional como canais seguros de comunicação.

A “malha fina” é um processo pelo qual as declarações do Imposto de Renda passam após o envio, onde são analisadas pela Receita Federal em busca de discrepâncias. “É crucial revisar minuciosamente todas as informações fornecidas para garantir que estejam corretas e completas”, aconselha Gustavo Vieira.

Para verificar se a declaração está retida na malha fiscal, os contribuintes podem acessar o e-CAC e selecionar a opção “Meu Imposto de Renda (Extrato da DIRPF)”. Lá, é possível visualizar se há pendências de malha e o motivo pelo qual a declaração foi retida.

“É fundamental cumprir os prazos estabelecidos pela Receita Federal para responder às solicitações e fornecer as informações necessárias. Em caso de dúvidas ou dificuldades na identificação de erros, é aconselhável consultar um profissional especializado em questões tributárias”, conclui o contador.