Startup potiguar é escolhida pela Petrobras para desenvolver sistema de controle de qualidade da água com IA - O Poti News

Startup potiguar é escolhida pela Petrobras para desenvolver sistema de controle de qualidade da água com IA

Ferramenta será usada em torres de resfriamento de usinas termelétricas da empresa. Foto: Divulgação.

A startup potiguar Turinga foi a vencedora da licitação promovida pela Petrobras para desenvolver um avançado sistema de monitoramento da qualidade da água, utilizando Inteligência Artificial. O projeto, inserido no Programa de Pesquisa e Desenvolvimento da Petrobras em colaboração com a ANEEL, contará com um investimento total de R$ 9.700.000,00 e tem previsão de conclusão até junho de 2026.

A Turinga, com sede no Rio Grande do Norte, já é reconhecida pela sua experiência no desenvolvimento de sistemas de monitoramento da água, atualmente empregados pela Petrobras, mas sem integração com Inteligência Artificial.“É uma tecnologia 100% desenvolvida no Rio Grande do Norte que pode ser usada em qualquer setor da indústria que precise monitorar os parâmetros da água, como viveiros de camarão, por exemplo”, explica Rodrigo Souza, sócio da Turinga.

A nova versão do sistema promete automatizar completamente o processo de monitoramento e tratamento da água. Com a Inteligência Artificial, o sistema será capaz de identificar os parâmetros da água, avaliar sua qualidade e, se necessário, aplicar automaticamente os produtos de tratamento adequados, dispensando a intervenção humana.

A importância desse avanço tecnológico é prestigiada no contexto das usinas termelétricas, onde o tratamento da água é fundamental para o bom funcionamento dos equipamentos. Problemas como incrustações e danos por corrosão podem comprometer não apenas a eficiência, mas também a integridade estrutural das torres e equipamentos, acarretando em custos elevados de manutenção corretiva.

O sistema de resfriamento das termelétricas, responsável por manter a temperatura dos equipamentos estável, requer uma água de qualidade, com parâmetros como pH, condutividade e turbidez sob controle rigoroso. Nesse sentido, a implementação de um processo inteligente e automatizado de controle dos parâmetros da água é fundamental para garantir a eficiência operacional e evitar danos.